Cadastro de produto – Detalhado campo a campo

Olá, como vai? Esperamos que tudo bem!

Este conteúdo vai trazer para você detalhes de todos os campos existentes na rotina de cadastro de produto:

CampoSobre o preenchimentoDo que se trata
Nome*Digite o nome que deseja dar ao seu produto.
*Campo de preenchimento obrigatório.
Esse nome irá aparecer na nota fiscal de produtos, nota do consumidor e/ou cupom fiscal (SAT).
PreçoDigite o preço unitário de venda do seu produto.O valor está em real e pode ser alterado no momento da venda.
UnidadeSelecione que tipo de unidade de medida comercial é o seu produto. Exemplo: Un (unidade), Pç (peça), Kg (Quilograma).Nós trazemos uma listagem das unidades de medidas mais utilizadas, mas você pode incluir outras unidades se desejar.
Para saber como cadastrar unidade de medida clique aqui
Código de barrasDigite o código de barras do seu produto (se houver).Caso tenha um leito óptico, você pode cadastrar a numeração do código de barras para utilizar com o leitor no momento de emissão da nota.
NCM*Informe o código NCM do produto. 
Nosso sistema ao³ emissor já traz a listagem oficial e atualizada de NCM para seleção.
*Campo de preenchimento obrigatório.
NCM é a sigla para Nomenclatura Comum do Mercosul. É um código utilizado para classificar cada mercadoria que circula nos países do Mercosul (Brasil, Argentina, Paraguai e Uruguai). A nomenclatura determina os tributos envolvidos nas operações do país, comércio exterior e de saída de produtos industrializados.
No site da receita federal é possível consultar mais informações sobre o NCM e no site do Siscomex é possível navegar na listagem de NCM.
Se tiver dúvidas sobre qual NCM utilizar, recomendamos o apoio de um contador(a).
Código de Identificação*Crie um código para identificar seu produto.
Recomendamos que este código seja único por produto.
*Campo de preenchimento obrigatório.
Com um código de identificação, você pode localizar seu produto buscando pelo nome ou pelo código.
Categoria de ICMSSelecione se já foi cadastrada uma categoria.Se trata de uma opção do menu ‘Cadastros’ do sistema NFe para configurar e aplicar as devidas alíquotas do ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Prestação de Serviços) de acordo com o regime tributário da empresa.
Caso você tenha uma configuração de ICMS cadastrada você pode vincular ela ao seu produto, assim as informações referentes a ICMS serão aplicadas ao produto.
Para saber como cadastrar uma categoria de ICMS, clique aqui.
CFOP para dentro do estadoSelecione qual código será utilizado para comercializar o produto nas operações estaduais. Nosso sistema ao³ emissor já traz uma listagem pré-definida.É a sigla para Código Fiscal de Operações e Prestações, esse código identifica as operações e movimentações de mercadorias da empresa. No sistema ao³ emissor o CFOP é vinculado dentro da natureza da nota.
Dúvidas sobre a utilização do CFOP recomendamos que busque apoio com um contador.
OrigemSelecione a origem do produto ou serviço, se nacional ou estrangeiro. Nosso sistema ao³ emissor já traz uma listagem pré-definida.A origem identifica se o produto é nacional ou estrangeiro, se refere a tabela A do CST (Código de Situação Tributária) que determina a tributação aplicada aos produtos.
Se tiver dúvidas sobre a origem, recomendamos o apoio de um contador(a).

Informações para Controle da ST (Situação Tributária):

CampoSobre o preenchimentoDo que se trata
CESTDigite o código CEST do produto.CEST é a sigla para Código Especificador de Substituição Tributária.
O CEST esta associado ao NCM e a descrição do produto, é utilizado para identificar os produtos que tem ou não substituição tributária de ICMS. É composto por um código de 7 dígitos e você pode localizar nos anexos desta publicação da CONFAZ e/ou buscar apoio com um contador(a).
Indicador de escala relevanteSelecione o indicador de escala relevante.
S para Sim e N para Não.
É aplicado para dizer se o produto foi produzido em escala relevante.
CNPJ de fabricanteDigite o CNPJ do fabricante da mercadoria.Este campo é obrigatório quando o indicador de escala relevante é não.
Código do beneficiárioDigite o código do beneficiário.É um código que simboliza um incentivo fiscal, ou seja, ele estimula o ambiente empresarial. Toda vez que emitir uma NFe ou NFCe com redução ou isenção de ICMS é preciso informar o código do beneficiário.
É isento para empresas do Simples Nacional.
Perc. FCP (ICMS)Digite o percentual FCP (ICMS – Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços).FCP é a sigla para Fundo de Combate à Pobreza. Seu objetivo é minimizar as desigualdades sociais no Brasil.
Perc. FCP (ST)Digite o percentual FCP (ST – Situação Tributária).FCP é a sigla para Fundo de Combate à Pobreza. Seu objetivo é minimizar as desigualdades sociais no Brasil.

Padrão para Impostos:

CampoSobre o preenchimentoDo que se trata
IPI CSTInforme o código do IPI CST.É a sigla para Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços e Código de Situação Tributária. O CST define a situação tributária de determinada operação.
Simples Nacional deve utilizar a opção “99 – outras operações” por uma determinação da SEFAZ, já que o CST é para o Regime Normal de tributação.
ICMS CST/CSOSNInforme o código do ICMS CST/CSOSN.
Este campo só é habilitado quando não existir nenhuma categoria de ICMS vinculada ao cadastro do produto.
ICMS CST/CSOSN – É a sigla para Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços e CST se refere ao Código de Substituição Tributária, CSOSN se refere ao Código de Situação da Operação do Simples Nacional.
PIS CST*Informe o código do PIS CST.
*Campo de preenchimento obrigatório.
É a sigla para Programa de Integração Social e Código de Situação Tributária. O CST define a situação tributária de determinada operação.
COFINS CST*Informe o código do COFINS CST.
*Campo de preenchimento obrigatório.
É a sigla para Contribuição para Financiamento da Seguridade Social e Código de Situação Tributária. O CST define a situação tributária de determinada operação.
IPIInforme a porcentagem da alíquota do IPI.É a sigla para Imposto sobre Produtos Industrializados este imposto é federal e aplicado para empresas que são importadores, indústrias ou semelhante a indústria, ou seja empresas que fabricam um produto.
ICMSInforme a porcentagem da alíquota do ICMS.É a sigla para Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços. Este imposto é determinado pelo estado e é aplicado quando realizamos a venda de um produto, serviço de comunicação ou transporte entre municípios e estados.
PISInforme a porcentagem da alíquota do PIS.
É a sigla para Programa de Integração Social é uma contribuição social aplicada para promover a integração social e desenvolvimento. Por meio de alteração na Constituição Federal, passou a ser destinado ao FAT (Fundo de Amparo ao Trabalhador) para pagamento do seguro-desemprego, abono salarial e parte dos recursos também foi destinado a financiar programas de desenvolvimento econômico por meio do BNDES.
COFINSInforme a porcentagem da alíquota do COFINS.É a sigla para Contribuição para Financiamento da Seguridade Social é uma contribuição social aplicada nas áreas da saúde, previdência social e programas de assistência social.

Produto Específico – Combustível:

Estes campos devem ser preenchidos quando a empresa comercializa combustíveis e lubrificantes.

CampoSobre o preenchimentoDo que se trata
Cod. do produto na ANPDigite o código do produto na ANP.ANP é a sigla para Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis, é um código informado com base no SIMP (Sistema de Informações de Movimentações de Produtos), você pode consultar a tabela com o código de produtos aqui no site do SIMP.
Descrição do Produto conforme ANP
Cod. de autorização / Reg. do CODIFTrata de uma operação especifica por Estado,  recomendamos o apoio de um contador(a). 
O CODIF é o Sistema de Controle do Diferimento do Imposto nas Operações com AEAC. AEAC é a sigla para Álcool Etílico Anidro Combustível. 
Percentual do GLP derivado do petróleoConsultar a especificação do seu produto para realizar o preenchimento, recomendamos o apoio de um contador(a). Informar apenas o numero de acordo com a quantidade de Petroleo vinculada na produção do GLP. Sendo de 0 a 100.
Percentual de Gás Natural NacionalConsultar a especificação do seu produto para realizar o preenchimento, recomendamos o apoio de um contador(a). Informar apenas o numero de acordo com a quantidade de Gás Nacional vinculada na produção do GLP. Sendo de 0 a 100.
Percentual de Gás Natural ImportadoConsultar a especificação do seu produto para realizar o preenchimento, recomendamos o apoio de um contador(a). Informar apenas o numero de acordo com a quantidade de Gás Importado vinculada na produção do GLP. Sendo de 0 a 100.
Valor de partidaConsiderar o valor do produto em KG sem informar o ICMS.

Observação: Caso tenha dúvidas de preenchimento sobre qualquer campo acima, fale com seu contador(a) e/ou com órgão competente do seu Estado.

Caso tenha dúvidas sobre a rotina de cadastro de produto, criamos uma ferramenta para otimizar o seu atendimento, basta clicar no ícone da nossa assistente virtual que fica no canto inferior direito do seu ao³ emissor:

Essses conteúdos também pode te interessar: 

Foi um prazer compartilhar esse momento com você, até breve.